Conselho Municipal de Saúde de Curitiba promove ações sobre Aids

Com o tema “Fique Sabendo”, a Comissão de Vigilância em Saúde-DST/AIDS do Conselho Municipal de Saúde de Curitiba (CMS) e Secretaria Municipal de Saúde de Curitiba (SMS) vão realizar no dia 1º de dezembro uma celebração para lembrar o Dia Mundial de Luta Contra a AIDS. Toda a programação, que será desenvolvida na Boca Maldita, na Rua XV de Novembro, será relacionada à promoção da saúde, com atividades laborais, orientações sobre a prevenção à DSTs e AIDS – com a disponibilização de preservativos – incentivo à testagem do HIV e ao diagnóstico precoce, além de aconselhamento sobre tratamento e qualidade de vida às pessoas que vivem com o vírus HIV e a AIDS. Flores serão distribuídas à população.

O Dia Mundial de Luta contra a AIDS foi internacionalmente instituído em outubro de 1987. Foi uma decisão da Assembleia Mundial de Saúde com apoio da Organização das Nações Unidas (ONU). É uma data em que o mundo une forças para a conscientização sobre a doença. O evento em Curitiba tem parceria com o Conselho Regional de Educação Física da 9ª Região (CREF9/PR), com os Profissionais de Educação Física do Núcleo de Apoio à Saúde da Família (NASF), Fundação Cultural de Curitiba e ONG Aids de Curitiba.

“A hora é agora” – No dia 28 de novembro (sexta-feira) a Prefeitura vai lançar o Programa “A Hora É Agora”, que disponibiliza testagem rápida de aids. Os trailers estarão no estacionamento ao lado da Prefeitura, para visitação dos profissionais da imprensa.Na segunda-feira (1º), das 10 às 16 horas, o trailer estará na Boca Maldita como parte da programação especial do Dia Mundial da Luta Contra a Aids. A unidade de testagem móvel ficará estacionada às sextas-feiras, das 18 às 22 horas, na Praça Osório, e aos sábados, das 18 às 22 horas, em local próximo à Praça Tiradentes. A segunda unidade móvel estará embarcada em uma estrutura do programa Consultório Na Rua – que leva equipes de saúde à população de rua – e seguirá o itinerário programado para o veículo.

Todas as unidades básicas da cidade realizam os testes convencionais de HIV, que ficam prontos em até três dias. O teste rápido, que dá o resultado em até 30 minutos, pode ser feito no Centro de Orientação e Aconselhamento (COA) no bairro São Francisco (Rua do Rosário, 144).

Desde o ano de 1984 (na década de 80 foram registrados os primeiros casos de AIDS) até 2013 foram registradas 10.030 pessoas com a enfermidade em Curitiba. Além delas, há ainda 3.372 portadores da doença.

 

 

SERVIÇO:

O que: Dia Mundial de Luta contra a AIDS

Quando: 01/12/2014

Onde: Boca Maldita – Curitiba

Horário: das 10h às 16h

Programação:

10h – Abertura com atividade laboral – CREF9 e NASF

11h – Malabaris de Fitas – Grupo Amigos

11h – Grupo Afro-Cultural Ka-Naombo

13h- Atividade laboral – CREF9 e NASF

14h – Joel Muller e Manchinha – Sons de Campo e Cidade Música Urbana com Matizes Rurais

15h – Grupo Musical Precavvida