Eleição define novos conselheiros do Conselho da Criança e do Adolescente

Nessa quinta-feira (10), o Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente de Curitiba (Comtiba) elegeu seus novos conselheiros da sociedade civil. Seis entidades irão integrar o Conselho do órgão por um mandato de dois anos, a partir de janeiro de 2016. Ao todo, 16 candidatos participaram do pleito.

A presidente do Comtiba, Catia Regina Kleinke Jede, afirmou a importância da participação da sociedade civil dentro do Conselho. “É importante discutir a política de uma forma harmônica, fazendo uma união de esforços para uma política boa para toda a sociedade. E isso só é possível com essa parceria entre sociedade e governo”, disse.

A eleição ocorreu no auditório do Setor de Orgânicos do Mercado Municipal de Curitiba e contou com a presença de 65 entidades. A votação foi em cédulas de papel e o resultado com as instituições eleitas foi revelado pouco após o último voto ser depositado na urna.

O Comtiba tem a responsabilidade de fiscalizar a execução das políticas públicas para a área de infância e juventude em Curitiba e gerir o orçamento do Fundo Municipal da Criança e do Adolescente, decidindo quais ações e investimentos serão realizados. O Conselho é formado por conselheiros titulares e suplentes não remunerados de seis entidades da sociedade civil e de seis órgãos do governo municipal.

Abaixo, a lista com as entidades eleitas:

- Associação Comunitária Presbiteriana (ACP);

- Associação Abelhinhas de Santa Rita de Cássia;

- Associação Metodista de Ação Social (Amas);

- Associação Hospitalar de Proteção à Infância Doutor Raul Carneiro;

- Recriar – Família e Adoção;

- Fundação Iniciativa.