Conselho de Administração da Companhia de Desenvolvimento de Curitiba – CURITIBA S.A.

A Companhia de Desenvolvimento de Curitiba é um órgão público que tem como atividade principal, planejar e executar ações que direcionam o desenvolvimento da Cidade Industrial de Curitiba – CIC.
A ideia da destinação de área específica da cidade para instalação de indústrias ocorreu ainda na década de 60, com a implantação do Plano Diretor de Curitiba. Na época a capital paranaense tinha pouco mais de 300 mil habitantes e sua economia era estagnada, girando em torno do comércio e do serviço público.
Em 1973 foi criado o Parque Industrial da cidade, denominado Cidade Industrial de Curitiba – CIC e, a partir desta data até 1980, a CIC foi administrada pela Companhia de Urbanização de Curitiba – URBS.
Em 1980, com o objetivo de dinamizar o processo de crescimento industrial, a Prefeitura Municipal de Curitiba executou como sucessora a empresa Companhia de Desenvolvimento de Curitiba, com a responsabilidade de consolidar o parque industrial e de atrair novos investimentos para a região.
Em janeiro de 2005, a atual administração municipal passou a imprimir novas diretrizes econômicas para a capital, ampliando a dimensão de atuação da Companhia, cuja sigla passou a ser CURITIBA S.A., que então incorporou a missão de incrementar as atividades produtivas geradoras de trabalho, de fortalecimento dos setores industriais, comerciais, tecnológicos e de serviços, com ênfase principal no atendimento às demandas de micro e pequenas empresas.
Foi criada em 2007 a Agência de Desenvolvimento de Curitiba, devolvendo a Curitiba S.A. a atividade proposta na época de sua criação, a de regularização fundiária de Curitiba e região, em especial a Cidade Industrial.
Sendo assim, atualmente a Companhia de Desenvolvimento de Curitiba está focada na missão de regularização fundiária.
O parque industrial de Curitiba tem 43 milhões de metros quadrados, correspondendo aproximadamente 10% da área de Curitiba. Foi concebido para constituir o instrumento propulsor da transformação econômica da Cidade, inserido numa área urbana provida de toda infraestrutura de serviços necessários para sua consolidação.

Foi a primeira grande intervenção urbana implementada para promover o desenvolvimento industrial de Curitiba, com a população de aproximadamente 172.573 mil habitantes.

A Companhia de Desenvolvimento de Curitiba – Curitiba S.A., atual denominação social da Companhia de Desenvolvimento de Curitiba – CDC, sociedade de economia mista, com personalidade jurídica de direito privado, é constituída e rege-se na forma das Leis Municipais n°s 2.295, de 21.08.63, 4.369, de 25.09.72, 4.470, de 26.12.72, 6.155, de 26.06.80, 7.671, de 10.06.91, 8.184, de 31.05.93 e 10.130, de 28.12.00, bem como na Lei 6.404, de 15.12.76, que dispõe sobre as sociedades por ações.

O Conselho de Administração é o órgão de deliberação, orientação e consulta da Sociedade, composto por dez membros, todos acionistas, e compõe-se da seguinte forma:

  1. Pelo Prefeito de Curitiba, na qualidade de representante acionista e indicado pelo acionista majoritário – Município de Curitiba;
  1. Pelo acionista titular da Secretaria Municipal de Finanças;
  1. Pelos Diretores da Sociedade;
  1. Por um membro efetivo e seu suplente, na qualidade de acionistas, indicados pela Federação das Indústrias do Estado do Paraná;
  1. Por um membro efetivo e seu suplente, na qualidade de acionistas, indicados pela Câmara Municipal de Curitiba;
  1. Por um membro efetivo e seu suplente, na qualidade de acionistas, indicados pela Universidade Federal do Paraná ou por outra instituição de ensino superior de Curitiba que poderá ser designada em Assembléia Geral de Acionistas;
  1. Por um membro efetivo e seu suplente, na qualidade de acionistas, indicados pelo IPPUC – Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Curitiba;
  1. Por um membro efetivo e seu suplente, na qualidade de acionistas, indicados pela Associação das Empresas da Cidade Industrial de Curitiba – AECIC;
  1. Por um membro efetivo ou seu suplente, na qualidade de acionistas, indicados pelos titulares das ações ordinárias minoritárias.

O Conselho de Administração é presidido pelo Prefeito Municipal de Curitiba, na qualidade de acionista, ou Conselheiro por ele indicado.

Os membros do Conselho de Administração são eleitos com mandato de 3 (três) anos e permanecem em exercício até a posse do substituto ou nova posse quando reeleitos.